Estupro Culposo

Rio de Janeiro, 03 de Novembro de 2020.

Pai,
A justiça foi estuprada!
De novo…
Lembra quando a Ângela Diniz foi assassinada?
No julgamento transformaram ela em culpada e o assassino em vítima!
Você fez uma sequência ótima de tirinhas da Graúna, mostrando o ridículo da situação.
A “monstra da morta” sendo interrogada pra saber aonde ela tinha enterrado o corpo do assassino!
Foi mais uma de suas tirinhas que a gente não sabe se ri ou se chora!
Um soco no estômago!
Desta vez, o julgamento se transformou em um festival de baixarias por parte do advogado, com a conivência do Juiz e do Promotor.
Ela foi estuprada de novo durante julgamento!
Um estupro tão cruel quanto o primeiro.
Criaram o “Estupro Culposo” para inocentar um jovem rico, branco, assim como criaram a “Injúria Racial” pra livrar a cara de outros brancos e ricos do crime inafiançável de Racismo.
A justiça aqui no Brasil não é cega.
Ela sabe muito bem quem vai ser condenado ou quem vai ser inocentado.
A justiça brasileira vai perder o quase nada de credibilidade que ela ainda tem, se este quarteto nefasto composto por Juiz, Advogado, Promotor e Estuprador, não for severamente punido!
Talvez esses quatro eleitores do atual presidente achem que ela merecesse ser estuprada.
Não tem como esperar nada diferente dessa gente…
Um beijo do seu filho,
Ivan

4 comentários em “Estupro Culposo

  1. O que as autoridades constitucionalizadas pela Carta Cidadã estão fazendo com o Judiciário brasileiro? Primeiro, estupram instituição nacional como a Petrobras em favor alheio estrangeiro e, no mesmo processo, deturpam, forjam e esconde provas; não satisfeitos humilham publicamente expondo ao sofrimento moral um cidadão nacional e sua família, agora, do mesmo modo, levam uma mulher diante de um promotor de justiça e um juiz em um julgamento provado de estupro carnal. Gente, a República brasileira é controlada pela moralidade dos porcos?

    Curtir

  2. a espécie humana, em sua evolução de parasita, está produzindo esses seres abjetos… como o mais crasso fisiologismo pode ter invadido instituições que foram feitas para defender a civilidade?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s