Associar Ao Genocídio

23795733_2053499494881523_2761204459989363080_n-e1513705178333
Rio de Janeiro, 21 de Julho de 2020.

Pai,

Um ministro do STF disse que o exército estava se associando a um genocídio.
Como no meio de uma pandemia, o exército se sujeita a ter um oficial leigo à frente da saúde do país?
Estamos em uma guerra contra o COVID, e o exército aceita deixar um general inexperiente comandando esta guerra?
Se isso não é ser cúmplice de um genocídio, eu não sei o que é!
Semana passada, em homenagem às 75 mil vítimas da pandemia (hoje já passaram de 80 mil), as forças armadas como recompensa ganharam 75% de aumento em seus salários. 1% pra cada mil mortos!
Quando as recomendações são de distanciamento, principalmente se tratando dos índios, que não tem as mesmas defesas do organismo que a gente, eles deixaram as esposas dos militares terem contato com as crianças da tribo.
Elas foram maquiar as crianças, pai, colocando as indiazinhas em risco!
O primeiro genocídio foi em 1500, com doenças e chacinas, dos donos da terra.
O segundo genocídio, foi durante a ditadura militar, quando mais de 8 mil índios foram mortos. Foram massacrados pela violência e pelas doenças, quando invadiram mais ainda suas terras.
E ainda abandonaram os que restavam, sem os proteger dos invasores, que iam atrás das riquezas que tinham por lá.
Pode ser o terceiro genocídio desta vez!
Só que agora, pode não sobrar nenhum índio pra pedir música no Fantástico.
Um beijo do seu filho,
Ivan
Associar Ao Genocídio ok

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s